top of page
  • Foto do escritorVisya Oftalmologia

Pálpebra caída em bebê, o que fazer?

A queda da pálpebra superior além do normal, desde o nascimento é chamada de Ptose Palpebral Congênita. Em alguns casos, ela não é imediatamente perceptível no recém-nascido, mas será identificável dentro de alguns meses.


➡️Quando grave pode cobrir parte ou toda a pupila e interferir na visão, resultando em ambliopia (comumente conhecida como “olho preguiçoso”). Não é raro, estar associada ao estrabismo (“olho torto”) ou erros de refração (necessidade de usar óculos).


👩🏻‍⚕️Em termos de tratamento, a ptose congênita deverá ser tratada cirurgicamente. Com a intervenção cirúrgica, será possível o posicionamento correto da pálpebra e o alcance da simetria de ambas as pálpebras.


👉🏻Em se tratando de crianças muito pequenas, quando não há riscos à visão, alguns cirurgiões preferem adiar o procedimento até que ela tenha mais idade, desde que essas crianças sejam acompanhadas de perto por um oftalmologista.


📲Marque uma consulta com um oftalmologista para que seu bebê possa ser examinado e assim garantir um bom desenvolvimento visual.




60 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page